segunda-feira, setembro 25, 2006

eu já tinha idade para ter juízo

Há largos meses que me deixei de postar (disparates) neste espaço mas sabe sempre bem receber uma mensagem onde se pede que eu des-conteste qualquer coisa.

Então cá vão 3 quaisquer coisas:

1. Liberdade de expressão
Não é questionável a desproporção entre as reacções e o "discurso académico" de Bento XVI. Não é questionável o direito de Bento XVI exprimir opiniões ou citar autores. Mas reeditar as cruzadas, a inquisição ou a jihad é diferente se a reedição em causa é feita por Pedro ou por um teólogo/académico.

2. Hungria
Que existem formas diferentes de ser e de estar entre a nova e a velha Europa já todos nós tinhamos compreendido, mas daí até encontrarmos um país onde o cidadão normal ainda acredita que o discurso político oficial não é desconstruído e reinventado consoante o forúm de debate ou os interlocutores em presença já é entrarmos num domínio de ingenuidade desconcertante.

3. Um must
Reler "O Processo" de Kafka e encontrar paralelos com o funcionamento das instituições europeias.

CA

domingo, setembro 24, 2006

chama ou ecrã iluminado

Photobucket - Video and Image Hosting


Marisa Monte prendou-nos ontem com um excelente concerto, a puxar para o intimista. Ao terminar com um dos seus clássicos anunciou que os telemóveis eram bem vindos. E lá vieram eles. Muitos! A fazer o papel do saudoso isqueiro.
Algo me leva a crer que esta inovação não se deve ao politicamente correcto que é hoje não fumar. Tem mais a ver com a evolução dos tempos. Mas, para meu contentamento (e da CA), ainda havia lá gente da velha guarda. Vimos dois ou três chamas a brilhar. E não é saudosismo bacoco. Dá mesmo outra envolvência!

JB

on-line